quinta-feira, 19 de julho de 2007

Telemóveis à prova de água

Esta deve ser a invenção mais inútil a seguir às máquinas de secar as mãos nas casas de banho e aos alarmes dos carros. Mesmo que uma pessoa leve o telemóvel para debaixo de água, vai fazer o quê com ele? Atender ou fazer chamadas? O telemóvel toca, tira-se o respirador da boca e diz-se “Brlóop está glupblóop?”, morrendo-se afogado enquanto se tenta manter a conversa…

Pode é ser útil naqueles casos em uma pessoa vai a andar na rua e tropeça num patim que uma criança deixou no chão. Como está com o telemóvel na mão, e na tentativa de se tentar segurar, larga o equipamento e lá vai ele a voar. Ele cai com toda a força num andaime, o que assusta e causa o desequilíbrio de um pedreiro. O pedreiro cai e o andaime oscila, fazendo o telemóvel saltar para o meio da rua. Faz ricochete num carro que estava a passar, provocando o seu despiste, e voa para a vitrina duma loja de porcelanas da Vista Alegre. Parte a vitrina e bate na estante, as porcelanas caem todas, e a colher de uma terrina empurra o telemóvel, que vai a deslizar de novo para a rua, indo chocar num velhinho que estava a passar. O velhinho cai por cima de um mostruário de frutas, espalhando maçãs, laranjas, melancias, bananas e melões. No entretanto, o velhinho, no meio do desequilíbrio, pontapeia o telemóvel contra a parede. Ao bater na parede, completa um ângulo de 360º no ar e acaba por cair dentro de um balde de água.

Nisto, o dono do equipamento, que inicialmente tropeçou no patim, vai ao balde e tira o telemóvel. Levanta-o e, cheio de orgulho, exclama para a rua: “Viram, não avariou?! É à prova de água!”

Nestes casos, realmente, compensa ter um telemóvel resistente ao H2O...

7 comentários:

Paulo 19/07/2007, 13:19:00  

Já não dava umas gargalhadas de lá de dentro como com este artigo. O que me valeu foi o Planeta Açores que vai dando estas novidades insulares.

jorge 19/07/2007, 16:25:00  

Para um telemóvel sofrer este abuso todo, não pode ser só resistente à água lol

Andreia 20/07/2007, 19:28:00  

Eu ri imenso quando li, pela primeira vez, este post. MAS.. hoje lembrei-me de uma coisa.

Lembram-se daquele acidente na Povoação, há cerca de dois anos ou três, por volta de Março daquele ano???
Pois foi, morreram três pessoas, quando a estrada caiu e o carro foi pela ribeira abaixo. Os corpos estavam desaparecidos, mas se houve coisa que ajudou, foi o facto do telemovel do filho do casal (que morreu juntamento com os pais) ter resistido na água por uns dias, fazendo com que a polícia conseguisse localizá-lo por GPS.
Se pensarmos nestas situações,sempre vale a pena eles serem à prova de água.

E em casos de traição também ajuda!
Os maridos que dizem que vão viajar em trabalho, e depois metem-se em banheiras de espuma com as secretárias, já podem ser devidamente localizados!!!

A tecnologia é uma coisa muito à frente!

ticha 23/07/2007, 22:00:00  

Ganda filme!!!!!!!!!!!!!!

Mais vale a tipica cena do telélé cair dentro da sanita/retrete!

Os meus bichos já estiveram parcialmente inundados por distracção minha! Mas eu sou mt mt a frente... O secador resolveu tudo!

(OBS: NÃO NÃO FOI NA RETRETE/SANITA MAS SIM NUMA TAÇA DE AGUA C VELAS APOS UMA NOITE VIOLENTA)

Caiê 23/07/2007, 22:40:00  

bom, eu nunca vi a famosa ilha dos amores de que me falam por telefone mas isto parece-me muito melhor... ;)

Vasco 27/04/2011, 23:09:00  

É só gente iluminada aqui, então quem fez o post deve ser a propria edp em pessoa. Eu devo ser o mais burro. Cá vai: Eu tenho uma firma de aluguer de motas de água e passo muito tempo no mar e a levar com ondas em cima e um telemóvel destes dá muito jeito para mim. Assim posso leva-lo preso ao colete e não tenho de me preocupar que fique cheio de água salgada. Como devem calcular, já estraguei alguns e um destes seria ideal.

Mas se calhar sou burro, o iluminado do post é que sabe.

Vasco 27/04/2011, 23:11:00  

Já percebo....este post tinha de vir de um insular lol

  © Blogger template 'Grease' by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP