quarta-feira, 31 de dezembro de 2008

FELIZ ANO NOVO!!

E que 2009 seja melhor do que 2008 e pior do que 2010…

segunda-feira, 29 de dezembro de 2008

Análise a 2008

A poucos dias de 2009, e como qualquer blogue que se preze, é importante fazer uma análise aos pontos positivos e negativos do ano que está a acabar. Ora bem, aqui vai:

Pontos positivos: 2008 está quase a acabar!!

Pontos negativos: o sacana levou 365 dias a acabar!

sexta-feira, 19 de dezembro de 2008

Feliz Natal e tudo e tudo!

Send your own ElfYourself eCards

quarta-feira, 17 de dezembro de 2008

Isto assim não dá!

A fraca produção de textos escritos neste estaminé nos últimos dias deve-se essencialmente a uma onda de concorrência desleal por parte dos protagonistas da vida pública da nossa Região e País. Quer dizer, como é que se pode dar um twist humorístico a um episódio real, quando ele próprio já tem mais piada do que uma anedota?

Querem exemplos? Olhem para a sequência de acontecimentos na votação do Programa do Governo na ALRA, o que é que se pode escrever para dar mais piada àquilo? Não estão a facilitar muito a nossa vida, não! Vejam a candidatura de Santana Lopes à Câmara de Lisboa. Aposto que já estão a rir só de pensar nisso! Ou “Nim” do PSD nacional ao Estatuto dos Açores. Ou os milhões dos nossos impostos para salvar os bancos que depois nos vão emprestar esses milhões a juros ridículos...

E a lista continua, e continua, e continua…

Isto assim não é fácil, meus amigos. Sei que o humor agora está muito na moda e fica bem e toda a gente quer ter piada, mas acalmem-se lá, senão ficamos nós sem nada para fazer!

domingo, 14 de dezembro de 2008

Dia de festa

Este blog faz hoje 4 anos...
Estava prevista a inclusão, por parte do Hélder Medeiros, de um post fenomenal para comemorar a data. No entanto, como os nossos leitores puderam constatar no post anterior, ele ultimamente só tem conseguido estacionar nas Sete Cidades. Assim, temo que não chegue a tempo de, ainda hoje, vos surpreender com uma "postada" do outro mundo. Paciência! Fica aqui na mesma o registo da data e a esperança deste espaço continuar a fazer felizes todos os que nos visitam!

segunda-feira, 8 de dezembro de 2008

Conduzir e estacionar em Ponta Delgada

Uma pequena aventura. Espero que gostem...

quinta-feira, 4 de dezembro de 2008

Mais uma para o currículo....

Fiz hoje a minha segunda endoscopia deste ano e posso dizer que foi tão agradável como a primeira. Aliás, se continuar a esse ritmo, de repente ainda começo a gostar.

Ali deitado, à medida que o tubo era amavelmente empurrado pela minha faringe, esfíncter esofágico superior, esófago, esfíncter esofágico inferior, diafragma e estômago dentro, e à medida que eu soltava urros de vómito enquanto tentava desesperadamente respirar, não consegui deixar de imaginar os humanos do século XXIV ou XXV a olharem para os livros de história e a rirem-se do quão ridículo é o conceito de se enfiar um tubo pela faringe, esfíncter esofágico superior, esófago, esfíncter esofágico inferior, diafragma e estômago dentro de uma pessoa...

sábado, 29 de novembro de 2008

Zumba Cinco

Depois de uma semana à maneira na Europa (outra vez?!?) e de um jogo de selecção em que Queirós deu uma lição de futebol ao Brasil (a lição chamava-se "Como golear os 11 cromos da FPF"), eis senão quando encontro esta relíquia que expressa todos estes desaires. Um conjunto musical cujo nome inspirou os clubes de Lisboa (responsáveis pelo entopimento da A5 esta semana*) nas suas prestações desta semana.
Ouçam o CD que vai valer a pena... é uma banda com um estilo musical tipo Braso-Olympiaco-Catalão, ou seja: é uma banda que também dá bailinhos!
(* como dizia o meu avô: "Para boa palavra, meio entendedor basta").

terça-feira, 25 de novembro de 2008

Feliz aniversário!!

Parabéns a estes belos petchénos que se dão pelo nome de Tunídeos. Faz hoje 14 anos que um bando de iluminados se lembrou de fazer uma Tuna e pronto, tantos anos depois, o resultado passa por coisas bonitas como essa...

Há lá coisa mai'linda?

domingo, 23 de novembro de 2008

A crise já chegou ao Mundo Rural

Num passeio ao Nordeste, numa paragem para café, encontrei a prova de que a crise também já chegou ao mundo rural de S. Miguel.

Portanto, caros amigos caloteiros, se o vosso nome não consta na listagem dos contribuintes devedores das Finanças pode ser que o encontrem no café da esquina!

sábado, 22 de novembro de 2008

Interessante, sim senhor...

Acabei de conhecer um novo site que me parece bastante apetecível. Falo do AçoresTube, uma página criada por dois estudantes da Universidade dos Açores com o objectivo de ser um portal de vídeos açorianos.

Só pela premissa da coisa já merece umas visitas!

sexta-feira, 21 de novembro de 2008

Nem de propósito

Imagem captada antes-de-ontem por uma das WeatherCams do Projecto CLIMAAT. Digam lá se não ficou um mimo...

De T U N A L H O S

quarta-feira, 19 de novembro de 2008

Fãs dos Monty Python por aí, há algum?

Então, boas notícias!

Já não é preciso andar a sacar... huumm, comprar mais material dos Monty Python da Internet, eles próprios estão a oferecê-lo. É verdade, a partir de agora, é possível visitar o Canal Oficial do Monty Python no YouTube, onde se podem ver vários clips, todos em alta resolução e boa qualidade.

Até eles vêem que o futuro do entretenimento está na net!

Thank you very nice!

terça-feira, 18 de novembro de 2008

Isso tá lindo, tá...

Hoje toda a gente fala do aquecimento global e das alterações climáticas. Uns porque estão muito preocupados, outros porque fica bonito, a maioria porque está na moda. Mas fora esses preciosismos, sou só eu ou isso está realmente tudo trocado? Não devíamos estar todos a usar luvas e casacos e cachecóis? Não está propriamente um calor de rachar, mas de certeza que não está frio. Dezembro é daqui a dias e ainda ando de T-Shirt!!

Acho que o Planeta não é algo que estamos a lixar hoje para os nossos netos sofrerem as consequências daqui a 100 anos. Cheira-me que a nossa geração ainda se vai ver à rasca por causa das asneiras que andamos a fazer…

segunda-feira, 17 de novembro de 2008

Médicos...

Pois, isso é que os médicos não me receitam! Nããão, é Xanax para os queixos!!

sábado, 15 de novembro de 2008

SporTunalheixões

A liga Sagres está cada vez menos disputada. Há sempre um "grande" que em cada temporada não dá chances: este ano é o Leixões que sonha ir à Champions. E até parece que vai de "Mota"!

Mistérios verdadeiramente misteriosos IV

Como é possível que a Humanidade tenha conseguido criar extraordinários feitos de engenharia como este…
…mas ainda não tenha conseguido inventar uma p#T@ de uma impressora que não encrave??

sexta-feira, 14 de novembro de 2008

Sim...

...afinal parece que era (quase) tudo (mais ou menos) verdade.

Será verdade, será?

PS- Falta aí a Secretaria da Saúde, não é? Huumm...

quarta-feira, 12 de novembro de 2008

Sportunalhos

Depois do épico duelo entre lagartagem e dragões, nada no reino dos super-heróis será o mesmo.

O Hulk (que mais parece o Flash), em vez de verde é moreno e em vez de dar porrada nos maus, levou porrada de todos. O Batman foi interpretado por Rochemback que se fartou de bater nos mens todos. Helton fez de Homem Aranha e o Lucho fez o papel de Super Homem afectado pela Kryptonite durante todo o jogo. Aliás, o João Moutinho até foi nomeado pelo `seu papel de super herói moribundo que, de cada vez que passam por ele, o tipo cai no chão artisticamente (daí a nomeação para os Óscares) com dores em tudo que é lado!

Mas, o melhor de tudo foi mesmo o mister Paulo Bento (conhecido como o "melhor treinador com risco ao meio do mundo" - MTRMM) com a declaração que proferiu. O que todos desconhecem, mas que o Sportunalhos aqui revela em primeiríssima mão, é que ele não se estava a referir à arbitragem, mas sim a umas tripas à moda-do-Porto que ele comeu ao jantar antes do jogo. Ao que apurámos, a refeição repugnou tanto o MTRMM, que o terá levado a afirmar:

"Tragam-me uma sandes de couratos, que estas tripas já me metem nojo..."

(gratos pela sugestão que deixaram no "comentários" do Sportunalhos anterior!)

terça-feira, 11 de novembro de 2008

Manifestantes obrigaram ministra da Educação a deixar Fafe

"Com palavras de ordem e ovos, os protestantes nem deixaram a ministra pôr o pé fora do carro... Após o incidente chegaram ao local mais reforços da GNR que controlaram a situação. No entanto, há a registar a identificação de alguns alunos e a apreensão de algumas caixas de ovos."
In JN

Caramba, mas era necessário apreender as caixas de ovos? Por acaso foi delas a iniciativa de fazer mal à Ministra?!...

sábado, 8 de novembro de 2008

Julgamento da Fatinha

A montanha pariu um ratinho. Nem a fuga à justiça deu direito a penalização!
Agora uma coisa é certa: face aos "crimes" (hediondos?!) apurados, a justiça portuguesa foi implacável: isto de não se trazer o recibo com a despesa, de apanhar uma boleia ou de aprovar um loteamento na terra onde vive pode ser a morte do artista. É uma injustiça! Até dá para rir! A própria saiu do tribunal com um largo sorriso!

sexta-feira, 7 de novembro de 2008

SporTunalhos

O país tem 3 jornais desportivos, televisão com 3 (!!) canais pagos de desporto e agora o meo com a Benfica TV, seriam argumentos aparentemente suficientes para me dissuadir de escrever aqui sobre desporto. Ah! Não esquecer que há televisões públicas que dão mais importância à chegada do Mourinho a Itália do que ao Santana Lopes a falar da sua candidatura à liderança de um partido político... (ok, aqui até se aceita).

No entanto, se há adjectivo que me serve como uma luva é a Diana Chaves e a persistência (eu ainda acredito que um dia vai haver vôos mais baratos na SATA e liberalização das vias aéreas para os Açores) e por isso cá vai mais este momento histórico deste blog, que é o lançamento da primeira coluna desportiva dos Tunalhos, a que chamamos Sportunalhos.

É bom, é muito bom mesmo. Agora só falta é assunto para aqui discutir, porque mesmo com esta semana de jogos europeus, não me parece haver nada de novo para debater à excepção do novo penteado do Miguel Veloso (que para além de lhe dar uma maior velocidade de raciocínio, porque não é tão loiro, não merece mais linhas nesta prestigiada coluna).

Enviem sugestões para o campo dos comentários, ou para o mail dos tunalhos e até breve (já agora desculpem o cliché da loira).

quinta-feira, 6 de novembro de 2008

Sobre o Jazz

Este fim-de-semana instalei o iLife no meu computador e pus-me a brincar com o iMovie. Quando dei por mim, já tinha um vídeo feito, que agora partilho relutantemente com o mundo.

Nele, falo sobre um assunto que já foquei aqui, mas que nunca se esgota. Espero que gostem, até porque tem aquele que penso ser o primeiro solo de telemóvel da história da música.

quarta-feira, 5 de novembro de 2008

Barack Obama é o grande vencedor...

...e já o andam a descrever como um novo JFK. Quanto é que querem apostar que já devem andar por lá uns quantos Lee Harvey Oswald’s a fazer planos manhosos?

sexta-feira, 31 de outubro de 2008

A táctica do Maradona

A notícia já tem uns dias: Maradona vai treinar a Argentina! A sua táctica vai apostar nas jogadas bem junto à "linha"...

Publicidade honesta

Fiz ontem uma pequena descoberta que restituiu alguma da minha fé na humanidade.

Ora bem, estava eu a tomar duche, dado que era o dia 30 do mês, quando reparei no meu champô. O meu champô, como qualquer produto do género, traz no verso as publicidades do costume. Só que enquanto a maior parte das outras marcas opta por anunciar um daqueles novos compostos que aparecem todas as semanas e que farão toda a diferença (tipo: “L’Oreal, agora com extractos de pele de pénis de andorinha, para um cabelo mais saudável”), o meu champô opta por fazer publicidade honesta. Ora vejam:
É ou não é muito à frente? É que o meu champô não é o melhor para queda, nem mesmo o segundo. O meu champô é o Nº 3, e ostenta-o com orgulho! E não só admite que é o Nº 3, como ainda usa palavras bonitas como "escamação" sem qualquer receio que tal possa fazer o seu utilizador sentir-se, sei lá, leproso.


É refrescante ver este tipo de publicidade, e acho mesmo que as restantes marcas e instituições o deviam adoptar. Não seria tão bom ouvir slogans como “Banif Açores, a força de acreditar, que as taxas Euribor ainda vão chegar aos 20%”, ou “PSD: Melhor é Possível… no Iraque”?


Pensem em outros slogans bonitos e coloquem-nos aí nos comentários... ou talvez não.

quinta-feira, 30 de outubro de 2008

Berta Cabral avança para a liderança

É verdade, parece que Berta Cabral assumiu, finalmente, a sua candidatura à liderança do PSD.

Com esta tomada de decisão, a presidente da Câmara de Ponta Delgada ganhou logo a simpatia das hostes laranjas, já que o sentimento geral é: “É uma líder que nos vai levar à vitória!”

Mas, mais importante, Berta Cabral ganhou também a simpatia do público, já que, neste caso, o sentimento geral é: “Coitada, ela bem que tentou livrar-se dessa, mas parece que vai ter mesmo de amarrar o frete…”

sábado, 25 de outubro de 2008

O melhor de tudo são as crianças

Texto livre dum aluno do 1º ciclo:
"A minha escola é muito bonita! Parece mesmo um jardim. Nós, os alunos, somos as flores e a Sra. professora é como um monte de estrume que nos ajuda a crescer fortes e saudáveis"

sexta-feira, 24 de outubro de 2008

Astrólogos videntes

Aqui vai, antes que mudem esses dirigentes todos e a filmagem perca actualidade. Um pequeno interactivo com o público, assim como quem não quer a coisa...

Divirtam-se!

quarta-feira, 22 de outubro de 2008

Ou ele era muito esperto, ou nós somos muito burros...

"I believe that banking institutions are more dangerous to our liberties than standing armies. If the American people ever allow private banks to control the issue of their currency, first by inflation, then by deflation, the banks and corporations that will grow up around the banks will deprive the people of all property until their children wake-up homeless on the continent their fathers conquered".
Thomas Jefferson, 1802

sexta-feira, 17 de outubro de 2008

Feliz Natal...

Em Ponta Delgada, o Natal antecipa-se ao frio. É verdade, parece que já estão a enfeitar as ruas para a época festiva.

Mais um bocado e começavam a pôr os enfeites em Agosto.

Compreendo que essas coisas têm que ser feitas com antecedência e que servem para chamar clientes ao comércio tradicional e isso tudo, mas chiça! Faltam mais de dois meses para o Natal, as pessoas ainda andam por aí de T-Shirt!

Apanha-se um fartume tal do Natal que quando chegar à altura de o celebrar já estamos todos a desejar o Carnaval…

quinta-feira, 16 de outubro de 2008

Análise ao debate

Depois de algum tempo de jejum aqui no blog (a gente decidiu parar um bocado, porque as visitas já estavam a ser muitas e a fama também chateia), é altura de fazer mais um post.

Na verdade, quando o tempo é pouco, quem paga é o blog e o Fróias, que apesar de ser uma pessoa simpática, cheira um bocado mal. Mas o que me trouxe de novo à superfície foi mesmo o debate de ontem na RTP-Açores. Na qualidade de blogueiro… bloguista… blogador… de uma pessoa que escreve num blog, sinto-me na obrigação de fazer um post sobre o debate. E porquê? Porque quem não faz um post sobre o debate não é bloguista, não é nada!

Ora bem. O debate começou logo desde o princípio e acabou já perto do fim. Pelo meio houve um pequeno intervalo, que serviu para fazer uma pausa e, quiçá, para os candidatos beberem um copo de água. Alguns intervenientes preferiram cruzar a perna, outros não. Alguns foram intercalando, ora a perna direita para cima, ora a esquerda. Parecia que estava calor no palco, mas devia ser dos holofotes. Por falar em holofotes, nota positiva para o Sr. Silva das luzes e para o operador da Câmara 3, que fez um maravilhoso Low-Angle Shot no minuto 18:54.

E pronto… é isso… Acho que foquei todos os pontos interessantes do debate…

terça-feira, 7 de outubro de 2008

O meu ponto de vista de hoje

Dizem quase todos os jornais de hoje: "O Benfica desperdiçou a oportunidade de igualar o FC Porto na liderança da Liga portuguesa de futebol"

Eu daria a notícia de modo ligeiramente diferente:
"O Leixões, ao empatar com o Benfica, desperdiçou a oportunidade de ficar isolado no comando da Liga."

domingo, 28 de setembro de 2008

Hino à crise..

Depois deste, fiquem com mais um êxito dos "Crazy Kill Bloody Bitch Kill Your Momma MotherF#cker"!!!

quinta-feira, 25 de setembro de 2008

Paguei 3 euros para fazer este post em 10 minutos

Estou na formosa Terceira em serviço e, como tal, fiquei num hotel, já que ficar numa tenda havia de ser uma chatice porque já começa a fazer frio. O hotel, como se diz na gíria técnica hoteleira, é muito porreirinho e fifi. Boas instalações, bons serviços, staff simpático, etc. Todavia, o facto de estar aqui hospedado relançou na minha memória uma reflexão que tive aí há uns tempos quando fiquei noutros hotéis noutras ocasiões.

Esta minha reflexão tem a ver com o uso da Internet. Acho que os hotéis deviam considerar seriamente começar a disponibilizar Internet aos seus hóspedes. Não estou a falar do computador estranho na recepção onde se paga 3 euros por 10 minutos de acesso ou do sinal fraco de Wi-Fi lá num cantinho escuro. Estou a falar de acesso à net nos próprios quartos.

É que, actualmente, quase toda a gente que viaja leva os computadores. A maior parte viaja em trabalho e leva os PC’s, e até quem vai de férias geralmente leva o computador, nem que seja para mandar à família as fotos da mulher em biquini. Atrevo-me a dizer que a Internet num quarto de hotel talvez seja mais útil do que a televisão. E já que pagam para ter TV Cabo nos quartos todos, podiam pagar para ter Internet.

Sei que falar é fácil e que meter internet em 200 ou 300 quartos não é propriamente barato nem logisticamente simples, implica obras, custos, pagamentos de serviços, etc., mas mais cedo ou mais tarde isto vai deixar de ser uma necessidade de alguns para ser uma exigência de todos. Sendo assim, mais vale que se antecipem ao mercado…

quarta-feira, 24 de setembro de 2008

Acelerador de partículas

Acelerador de partículas vai ficar parado até à Primavera de 2009. Ao que consta sofreu uma ruptura do ligamento cruzado anterior do joelho...

quinta-feira, 18 de setembro de 2008

Já sei como se sentiu o cachorro do Pavlov

O trânsito em Ponta Delgada parece uma gigantesca e tortuosa experiência de Pavlov. A sério! Ora num dia a rua sobe e, quando já nos acostumamos, de repente a rua só desce. Ora a estrada está aberta, subitamente está fechada, e amanhã está só com meia faixa, e depois fecha, e abre a seguir…

Hoje de manhã, levei 45 minutos a fazer um percurso que, regra geral, levava uns 10 minutos a fazer. Saí de casa, em São Roque, e segui para a Rotunda de Belém, que depois de fechada, aberta, meio aberta e quase fechada, hoje estava de novo fechada! Ou seja, dei por mim a sair de São Roque e a ir sem querer para a estrada da Ribeira Grande.

Quando voltei a entrar em São Roque, e por causa das obras da prolongação da Avenida e da entrada e saída de camiões no Poço Velho, a fila de carros ia até à praia do Pópulo. Moral da história, 25 minutos depois, e após ter desenhado um colossal circulo no mapa de Ponta Delgada, eu estava de novo à porta da minha casa!! Ao ver aquilo, pensei graciosamente: F###D@-se!!!!

Parti para o Round 2 da minha peripécia, e entre outras obras e filas por causa das escolas, 20 minutos depois lá consegui chegar ao serviço.

Eh pá, tudo bem! Vamos fazer obras e deixar as coisas bonitas e melhorar e coiso e tal. Mas caramba! Quando fecharem uma rua, ao menos deixem-na fechada até acabarem a porcaria das obras!! É que a gente aguenta com o transtorno durante algum tempo, não aguentamos é com os transtornos das mudanças constantes de transtornos!

quarta-feira, 17 de setembro de 2008

Sobre os cortes de papel e os Calos do Rato

Como o meu título altamente académico indica, vou começar por abordar o tema dos cortes de papel. Isto porque ontem fiz um corte de papel e, misteriosamente, doeu tanto como ver o programa da Lucy ou como aquela vez em que fui atropelado por um Peugeot 205 à saída da escola (é verdade que o carro me partiu uma perna, mas também parti-lhe o pára-brisas com a cabeça. Toma, pa não seres parvo!!)

O que me leva onde eu queria mesmo chegar: aos Calos do Rato. Enquanto admirava o corte de papel com o mesmo orgulho com que um veterano olha para a sua ferida de guerra, apercebi-me que o meu pulso ostentava um bonito Calo do Rato. Imediatamente, notei também que nunca tinha ouvido tal expressão, "Calo do Rato". Logo, apressei-me a vir aqui patenteá-la e, desta forma, deixar a minha marca no mundo (é tipo o gajo que inventou a palavra “fixe”, hoje é podre de rico... não é?)

Mas o que é o Calo do Rato? Boa pergunta! É isto:

Exacto, é o calo que ganhamos por passar o dia todo ao computador! Os nossos antepassados ganhavam calos nas palmas das mãos por cavar a terra, nós ganhamos calos nos pulsos por passar o dia com o rato na mão (salvo seja).

Querem ver se os vossos colaboradores estão a trabalhar, esqueçam relatórios de produtividade e avaliações: o segredo está é nos Calos dos Ratos!

Disse!

sexta-feira, 12 de setembro de 2008

Boas notícias!

Depois desta novidade que dei aí há uns tempos atrás, parece que há outra igualmente excelente no mundo da comédia animada. Seth MacFarlane, criador das geniais séries Family Guy e American Dad, criou um site para passar curtas que ele vai criando. Para quem gosta do género, nada melhor. Aqui vai uma para aguçar o apetite:

quinta-feira, 11 de setembro de 2008

11 de Setembro…

Sete anos se passaram e não sei o que me assusta mais, se o facto de saber que as pessoas são capazes de cometer tais atrocidades umas contra as outras, se o facto de saber que, desde então, a humanidade não mudou tanto como isso…

sexta-feira, 5 de setembro de 2008

O desmancha-prazeres…

– Estou bem disposto, pá! Finalmente é Sexta-feira! Gosto das Sextas-feiras, são a véspera do fim-de-semana.

– O problema é que o fim-de-semana é sempre a véspera de mais uma semana de trabalho.

– Realmente… pois…

– Pois…

– … vida de merda, f#§@-se…

terça-feira, 2 de setembro de 2008

Querem o meu voto?

Sou decididamente uma pessoa de Invernos. A sério, dêem-me um dia de frio a um dia de calor! É que no Inverno, uma pessoa se tiver frio, veste roupa. Se continuar com frio, veste mais roupa e calça umas luvas e mete um gorro até aquecer. Em último caso, deita-se dentro de uma lareira!

Em dias como o de hoje, dias de 26º e 80% e 90% de humidade, uma pessoa pode despir a t-shirt, as calças, os sapatos, as cuecas, até ficar todo nu, que continua a sentir o bafo demolidor da humidade. A única solução é despir a pele, e mesmo assim continuaria abafado! Mesmo se tomarmos um duche frio, ficamos todos transpirados outra vez só com o esforço de nos limparmos com a toalha.

Por isso, querem o meu voto? Esqueçam SCUTS, escolas, portos e aeroportos! Construam é uma cúpula à volta dos Açores e liguem a porcaria do ar condicionado!

terça-feira, 26 de agosto de 2008

Mais um momento bonito...

Apreciem a beleza do próximo clip que, tal como este, faz parte d'O Barco do Amor.

É mais um momento protagonizado pelos Pescadores d'O Barco e o Autocarro, um momento onde a profundidade patente em cada uma das palavras pronunciadas pelas personagens é magistral.

Isto, senhoras e senhores, é cinema no seu melhor. Deliciem-se...

segunda-feira, 25 de agosto de 2008

Hoje não me apetece que chova...

“Vai chover? Hê pá, que chatice, logo hoje que me apetecia ir de T-Shirt. Olha, não faz mal, lança aí uns pozinhos para as nuvens que isso já se resolve”.

É verdade, diz que foi isso que os chineses fizeram lá nas Olimpíadas. Ao que parece, os meteorologistas diziam que era capaz de chover durante a cerimónia de encerramento. Como havia muito em jogo para deixar que a natureza fizesse o que bem lhe desse na tola, vai daí os chineses lançaram umas quantas toneladas de químicos para as nuvens e voilá… foi a noite mais solarenga de sempre.

Não sei, mas parece-me um bocado perigoso usar tecnologia deste tipo assim de forma tão frívola. Quer dizer, daqui a dias está a Madonna com aviões a despejar químicos nas nuvens para não lhe estragarem o concerto de logo à noite.

Já fizemos tantas asneiras neste planeta, já estragamos e partimos mais do que devíamos, será que “controlar o clima” é mesmo o passo mais inteligente a seguir? Ainda por cima para que uma festa corra bem? (Está bem que não é uma festa qualquer, são os Jogos Olímpicos, mas estamos a falar do Clima).

Podem vir dizer que controlar o clima é bom, que pode vir a salvar colheitas, pode vir a salvar vidas, mas já sabemos que o Homem tem mau feitio. Amanhã estão a usar os pozinhos para lançar um tornado em cima de ditadores e terroristas ou para que o vento não incomode as explorações petrolíferas. E daqui a uns anos o Irão é uma floresta exuberante porque os senhores do petróleo tiveram dinheiro para comprar rios de químicos, e a Amazónia é um deserto porque os americanos decidiram que afinal não gostavam muito dos brasileiros…

Mas não faz mal, como a humanidade só reage a catástrofes, a gente há-de abrir os olhos lá para 2075 quando aparecer nas notícias que o Pólo Norte agora fica ali na zona de Paris e que isso é capaz de não ser muito bom porque, sei lá, a gente vai morrer todos…

quarta-feira, 20 de agosto de 2008

Dá que pensar...

Já ouvi falar em turistas perdidos na Floresta Amazónia, em turistas perdidos nos Himalaias, até em turistas perdidos no Saara, mas turistas perdidos nas Sete Cidades é muito à frente!

A notícia veio no Açoriano Oriental de hoje. Como não dá para fazer link (porque é só para assinantes), ficam aqui com a capa do jornal, não vão pensar que eu estou a inventar.

Espero não vir a pagar pela língua, mas… quem é que se perde nas Sete Cidades? Quer dizer, não estamos propriamente a falar da cratera do Mauna Loa. Além disso, é um espaço fechado, redondo e a descer, que é como quem diz, não há outro sítio para ir a não ser para baixo e para o meio, ou seja… para as duas lagoas enormes no meio da cratera que servem de referência.

Pronto, está bem, não é assim tão impensável, pode acontecer. O problema é que, de acordo com a notícia, esta é uma situação algo recorrente. Pois, não aconteceu com um ou dois turistas, é com uma catrefada deles.

Não há nada que saber, é melhorar a sinalização dos trilhos para aqueles lados, a ver se os coitados não se metem por caminhos de vacas manhosos e só aparecem 17 dias depois no Nordeste a comer priolos para sobreviver…

segunda-feira, 18 de agosto de 2008

E nos bastidores dos Jogos Olímpicos...

Eu soube de algo que, para mim, foi ainda mais surpreendente do que quando percebi que a Marcha era mesmo uma modalidade a sério. Aprendi hoje que, nos Jogos Olímpicos e afins, fazem testes a algumas senhoras para confirmar se são mesmo senhoras! É verdade, podem ler mais sobre isso aqui.

Apesar de, aparentemente, este facto não ser uma novidade no mundo do desporto, admito que não o conhecia e foi a primeira vez que ouvi que algo assim se fazia.

O leitor pode estar a pensar que o meu choque nasce da natureza algo rude e pouco graciosa destes testes, mas não. A minha simpatia vai para as pessoas que têm de seleccionar as atletas que vão fazer o teste, já que estes não são feitos a todas as competidoras, apenas àquelas que levantam suspeitas em relação ao seu Género.

Quer dizer, como é que se arranca uma senhora de um grupo de senhoras e se diz que não se tem bem a certeza se ela é realmente uma mulher? Há-de ser bastante constrangedor, não é? “Olá, Dona Senska Vladimir, tudo pronto para os 100 metros? Olhe, é que… pronto… eu e os meus colegas… a gente precisava que você, pronto… como é que se diz?... fizesse chichi para esse copo. Mas a gente precisava de a observar enquanto o faz, que é para confirmar se o enche sentada… ou de pé…”

quarta-feira, 13 de agosto de 2008

Ah, pois é...

No editorial do DN de hoje, sobre o recente acidente que envolveu uma vítima de disparos de um militar da GNR:

“O militar disparou para os pneus de um carro em fuga, depois de ter tentado deter dois assaltantes no local do crime, de estes terem fugido e de o terem tentado atropelar na manobra (está por provar que tenham disparado, apesar de terem sido encontradas armas na viatura). Fê-lo, sublinhe-se, sem saber que estava um menor no interior do carro. Foi-lhe aberto um processo de inquérito pela GNR e foi constituído arguido pela justiça civil, estando com termo de identidade e residência.

A mesma pena aplicada aos dois assaltantes por três crimes distintos: o de furto de propriedade alheia, desobediência às autoridades e negligência ou exposição de menor. Sendo que estes, sublinhe-se, agiram conscientemente, envolvendo uma criança e sujeitando-a aos riscos de um crime.

Este é que deveria ser tema de indignações e discussão”.

sábado, 9 de agosto de 2008

É aproveitar enquanto dura...

Hoje o Sr. Zé Povo acha que a Polícia Portuguesa está cheia de heróis porque foram os protagonistas de uma operação cirúrgica de sucesso que resultou numa cena à filme e apercebeu-se, assim de repente, que há homens e mulheres que recebem 600 e 700 euros por mês para garantir a segurança de todos nós, muitas vezes sem que lhes dêem sequer o mínimo de condições de trabalho.

Amanhã, o Sr. Zé vai defender as suas Forças de Segurança com garras e dentes quando alguém for para a televisão dizer que o que se passou no famigerado banco foi uma demonstração de xenofobia e racismo por parte da PSP, e que, bem vistas as coisas, a culpa é da sociedade.

O problema é depois de amanhã, já que, infelizmente, tudo isto vai mudar no mesmo segundo em que o Sr. Zé apanhar uma multa por estacionar em cima do passeio e interromper o trânsito para ir tomar café...

quarta-feira, 6 de agosto de 2008

RiverDance nos Açores

Aqui está aquele que, segundo a nossa perita opinião, foi um dos momentos culturais do ano nos Açores. Um espectáculo de RiverDance em pleno Coliseu Micaelense! Digam lá se isso não é uma coisa bonita de se ver?...

terça-feira, 5 de agosto de 2008

Novo look Primavera / Verão

Cá está o novo layout do blog. Espero que gostem do nosso look Primavera/Verão.........
e Verão/Outono e Outono/Inverno e Inverno/Primavera, que isso de mudar layouts ainda dá trabalho...

Faltam acertar uns pormenores aqui e ali, mas isso já não é para se fazer, é para se ir fazendo.

Até jááá...

segunda-feira, 4 de agosto de 2008

Stress... Maldito stress...

A “descoberta” do stress deve ter sido para os médicos o mesmo que a descoberta do petróleo foi para aquele pessoal do Médio-Oriente.

“Mas porque é que dizes isso?” Boa pergunta. Ora bem, tive aí uns problemas de saúde, daqueles sintomas da treta que uma pessoa fica sem saber de onde vêm as dores, estão a ver? Se vêm do estômago, do coração, dos olhos… Sendo assim, decidi ir a um médico do estômago, a um do coração e a um dos olhos.

A médica do estômago, depois de me fazer três perguntas do tipo “faz chichi de pé ou sentado?” e de me fazer uma endoscopia, disse que eu realmente tinha umas feridas no estômago, ao que adicionou um nome qualquer de uma doença que, por ter mais do que 72 letras por palavra, não consegui decorar. Agora simplesmente digo aos amigos que tenho uma espécie de úlcera… Vai daí nem é uma “espécie” e é uma úlcera mesmo, mas os 65 euros só me compraram 27 segundos do tempo da médica, por isso não tive oportunidade de perguntar que doença tinha mesmo.

Em todo o caso, o diagnóstico foi que eu tinha as feridas no estômago.
– Mas o que causa isso, Sra. Doutora?…
– Bom, podem ser várias coisas… mas seria preciso fazer montes de testes… Olhe, é stress! O que você precisa é de umas férias. Vá, tome esta receita para uma caixa de Xanax e descanse.

Não satisfeito, fui à consulta da cardiologista, já que estava marcada. Depois de uns quantos testes, o diagnóstico também foi rápido. “Você tem um coração de atleta. Isso deve ser stress. Vá à farmácia, compre uma caixa de Xanax e tire umas férias”

Resignado, fui ao oftalmologista. É que para além das dores de estômago, também tinha dores de cabeça. “Queres ver que preciso mesmo é de óculos?” Depois de três meses à espera da consulta e de três horas à espera da minha vez no consultório porque as consultas estavam atrasadas porque o médico estava atrasado, lá fui atendido. Testes do costume, ler as letras na parede, experimentar lentes, etc. e tal, e o diagnóstico foi que eu tinha a visão de um piloto de caças. “Mas de um piloto de caças russo de 72 anos, certo?”. Não, era mesmo de um Tom Cruise no Top Gun.
– Mas Sr. Doutor, fico à rasca no computador e as letras na televisão e as dores de cabeça…
– Ah, isso é… é… É stress! É cansaço! Você precisa é de…
– Já sei, Xanax e descanso…

Moral da história, o stress para os médicos é tipo o martelo para os mestres, dá para tudo. Aliás, já consigo imaginar um médico nas urgências.
– Aaaaii, Sr. Doutor, fui atropelado por um autocarro!! Aiii, a minha perna!!! O osso está exposto!! Aaaiiii!!
– Ora bem, diga–me uma coisa. Você tem um trabalho com muito stress?
– O quê?? Aiii!!
– E lá em casa, há stress com a esposa? Discussões e tal?
– Aiii, não!!! A minha perna!!
– Algum evento que o tenha marcado nos últimos tempos?
– Sim, acabei de ser atropelado por um autocarro!!!!
– Ora, cá está! Stress pós–traumático! Tome mas é uns Prozac's e vá para casa, homem!

quinta-feira, 31 de julho de 2008

Viste Cavaco?!

Até o Costa ficou surpreendido!

Cavaco interrompe as Férias por nossa causa? Ena pá!

Ainda que o assunto seja politicamente relevante, obviamente não só do ponto de vista regional, eu pensava que o Sr. Presidente, para interromper as férias, tinha algo diferente e bombástico para nos revelar... sei lá, olha por ex. tinha encontrado a Maddie!

terça-feira, 22 de julho de 2008

Só mesmo porque é bonito...

Aqui vai um vídeo para que as pessoas o possam ver enquanto dizem coisas como "Ah, que engraçado", "Aquilo onde é?", "Que giro, olha a Avenida", ou "Eu não sabia que antigamente isso era assim"...
Divirtam-se...


PS- Os créditos da recolha de imagens não são meus, mas também não sei de quem são. Vieram num daqueles Fwd:'s, limitei-me a colocá-las num vídeo...

sexta-feira, 18 de julho de 2008

E em 2028...

Os Açores serão uma região completamente diferente daqui a 20 anos, resultado de várias evoluções em diversas áreas e campos. Mas comecemos pelo princípio.

No campo das tecnologias, daqui a 20 anos os Açores vão estar no seu auge. Na procura de energias alternativas e renováveis, os carros no Arquipélago vão ser movidos a energia geotérmica, daí que já tenham construído uma bomba de gasolina nas Furnas, bem no meio de um local com fumarolas, preparando assim o futuro que, tudo indica, poderá ser "explosivo" nesta área.

Santa Maria estará no centro da tecnologia aeroespacial e estará, também, equipada para o lançamento experimental de vaivéns espaciais com animais. Tal facto resultará provavelmente num novo diferendo entre S. Miguel e Terceira quando o Governo Regional estiver indeciso entre o lançamento de um Cão de Fila de S. Miguel ou de um Cão Barbado da Terceira. O touro será eliminado da equação já que, de acordo com os cientistas, é um bicho mais irrequieto.

A esfera política açoriana sofrerá uma volta de 360 graus e será praticamente… igual, podendo, no entanto, apontar-se algumas novidades. O PS, numa tentativa de maior abrangência na captação de capital humano, mudará de sigla para PSI - Partido Socialista dos Independentes. Carlos César já não estará à frente do Governo Regional, nem provavelmente na política activa, mas vai ter uma estátua nas Portas do Mar. O PSD mantém a sigla, mas com um significado ligeiramente alterado numa tentativa de se diferenciar das políticas do PSI; o PSD será o Partido Social Diferente. Berta Cabral já não estará à frente da Câmara Municipal de P. D., nem provavelmente na política activa, mas vai ter uma estátua nas Portas da Cidade. Costa Neves já não estará à frente do PSD-Açores… e não, não vai ter nenhuma estátua.

No campo da economia, o sector pesqueiro estará em crise e, por causa da extinção do chicharro e do atum, recomeça a caça à baleia, mas em vez de arpões usam-se mísseis balísticos de segunda mão comprados na Base das Lajes. O grande desafio é usá-los no limite das 3 milhas de Zona Económica Exclusiva que os Açores conseguirão manter num braço de ferro com Bruxelas. A mono-cultura da vaca irá crescer consideravelmente com a vinda de novas espécies do Brasil, muito limpas, gostosas e bem cheirosas. No turismo, chegam finalmente os primeiros navios que vão fazer as ligações marítimas entre as ilhas (previstos para 20 anos antes), mas não poderão ser usados porque não estão preparados para usar energia geotérmica (os motores são a gasóleo… que nessa altura chegará aos 7.800 euros por litro) ".

No ambiente, o priolo reproduzir-se-á consideravelmente como resultado da actual protecção, tanto que se abrirá a caça à espécie, com efeitos económicos interessantes na cadeia McDonalds, que iniciará a produção do Menu McPriolo.

A Lagoa do Fogo deixará de existir, fruto de uma erupção nocturna, simultaneamente vulcânica e tectónica. Os habitantes de S. Miguel pensarão que é o espectáculo gratuito de inauguração das SCUT's para o Nordeste e acham o fenómeno muito interessante. Assiste-se a uma emigração em larga escala para o Havai.

Na Comunicação Social, finalmente a RTP-A vai ter condições para, de vez, fechar as portas com falta de financiamento. O Professor Mambo apresentará o Inter-Ilhas em vez do Sidónio Bettencourt.

No campo desportivo, o Santa Clara ascende à primeira divisão e vence o campeonato nacional. Infelizmente, a sua subida é impugnada no final da temporada porque o clube está também implicado no caso Apito Dourado, que ainda estará a ser julgado. A UEFA também é chamada e desiste de organizar a Champions, farta de ter que analisar casos jurídicos no âmbito do futebol português.

No campo dos grandes feitos mediáticos, os bisnetos do Genuíno Madruga estarão ansiosos por verem o avô, que continua a viajar à volta do mundo, sozinho no seu barco, a dar entrevistas por telemóvel numa qualquer baia recôndita da Ilha de Páscoa.

...
Texto publicado na edição especial do Expresso das Nove subordinada ao tema “Os Açores daqui a 20 anos”. A não perder também outros textos dos bloggers Alexandre Pascoal, André Bradford, Francisco Botelho, Guilherme Marinho, João Nuno Almeida e Sousa, Nuno Barata, Nuno Mendes e Rui Goulart.

quinta-feira, 17 de julho de 2008

“Os Açores daqui a 20 anos”

Tunalhos amanhã no Expresso das Nove, a não perder. Mais pormenores aqui. Diz quem percebe dessas coisas que vai ser bonito…

quarta-feira, 16 de julho de 2008

Greve de dez dias na SATA a partir de 30 de Julho

O SITAVA, segundo a notícia do A.O, terá anunciado que o pessoal de terra da SATA, poderá fazer não 1 ou 2, mas 10 dias de greve no final do mês. Nem me interessa saber as razões, mas já agora porque não fazer greve durante todo o mês de Agosto?! Só numa de chatear mesmo a sério!
Acho que conseguiria suportar o facto de não poder acumular umas milhitas no meu cartão "imagine"... lá se não era um cenário bonito?

Mistério verdadeiramente misterioso III

Aqui entre nós, alguém já sentiu a descida de 1% na taxa do IVA? Percebo tanto de economia como de transplantes hepáticos, mas não era suposto os preços baixarem qualquer coisa?

É que parece que os cafés estão com o mesmo preço, os produtos nos supermercados também, o calçado, o vestuário, os automóveis, as bebidas, o tabaco, as telecomunicações...

Aliás, acho que os únicos preços que se alteraram foram os dos combustíveis, e foi para cima... pa’ caramba!

segunda-feira, 14 de julho de 2008

NEO 8 nas bancas!!

E depois de uma pequena pausa nas postagens para estes lados, volto com boas notícias.

A NEO 8 já está nas bancas!!

Diga-se de passagem que este é mais um excelente trabalho da equipa por detrás da revista literária, pela qual nutro especial carinho pelas razões já expostas aqui. Estamos a falar de uma edição com nomes como Daniel de Sá, Urbano Bettencourt, Rosa Lobato de Faria, Frank X. Gaspar, Miles Waggener, Pit Menousek Pinegar e muitos, muitos outros.

A nova NEO está disponível nas livrarias, bem como online através da amazon.com e do site oficial, http://www.neomagazine.org/.

Comprem, garanto que não se arrependerão! E aproveitem para adquirir as outras sete edições, ficam de vez com a colecção completa.

quarta-feira, 2 de julho de 2008

A minha bela cena...

E depois desta aventura, cá estou eu de novo a entrar em passatempos cheios de mania. Desta vez, a iniciativa partiu das Meninas do Estró e o passatempo é o "A tua Bela Cena". Como diz o nome, o objectivo é apresentar um vídeo sobre o que se considera ser uma "bela cena".

E assim o fiz. A minha participação é esta:



Não se esqueçam de ir votando
, já que é para isso que serve o passatempo. É preciso registarem-se, mas isso faz-se num instante. Ah, e se votarem aqui no yours truly, tanto melhor, claro...

terça-feira, 24 de junho de 2008

Que alivio...

Aparentemente, a TAP aumentou hoje a sobretaxa do combustível (o que quer que isso seja). Ainda bem, eu já estava a ficar meio nervoso. É que já se tinha passado mais de quatro dias sem se falar do aumento de uma coisa qualquer.

sexta-feira, 20 de junho de 2008

O último pequeno-almoço de JC

terça-feira, 17 de junho de 2008

Vida de cão é lixada…

Depois de ler esta notícia, a expressão “vida de cão” nunca mais será a mesma para mim. Segundo o artigo, uma cadela recebeu 7,7 milhões de euros de herança da sua dona, mais do que os seus netos, que foram deserdados pela mulher e não iam receber um tostão furado (até porque já não existem tostões, e os que existirem são uma raridade, por isso seria uma parvoíce furá-los).

Em declarações ao blog dos Tunalhos, a cadela confessou que a velha lhe deixara os 7.7 milhões de euros para que ela realizasse o seu sonho de abrir uma cadeia de carrinhos de cachorros-quentes. Infelizmente, o plano de negócios revelou-se um fracasso, já que toda a gente sabe que são precisos pelo menos 8 milhões de euros para isso!

Mas a questão mais interessante foi: e depois quando a cadela morresse, deixava o resto do dinheiro a quem? A resposta veio rápida… “Ao Pluto, claro!”

quarta-feira, 11 de junho de 2008

A que jogadores daria as pastas do governo?

Como a selecção faz mais pelo país do que o próprio governo, aqui vão algumas sugestões de pastas governamentais para os jogadores:

Ricardo - 1º Ministro, é a figura nº 1 e por vezes "sai(-se) mal... da baliza;
José Boswingua - Ministro da Agricultura e Pescas (farta-se de lavrar naquele corredor direito e lança muitas vezes o isco aos nossos avançados - aparentando ser uma pasta "menor", no fundo ela é a base da sobrevivência);
Paulo Ferreira - Ministro da Saúde (dizem que é o mais "fraquinho" e ainda por cima levou 3 pontos, como tal, mais saúde é do que ele precisa);
Ricardo Carvalho - o Kaiser, fica bem com a pasta da Defesa;
Pepe - Ministro das obras Públicas, transportes e comunicações - (é alto, um pilar, sabe transportar a bola e comunicar muito bem com os pés e cabeça);
Petit - Ministro da Administração Interna (é isso!)
Fernando Meira - Secretário de Estado Adjunto e da Administração Interna (Só podia)
Moutinho - Ministro do trabalho e Solidariedade (Dúvidas?!)
Raul Meireles - Secretário de Estado da Segurança Social (é uma secretaria do Ministério do Moutinho);
Ronaldo - Ministro de Estado e dos Negócios Estrangeiros (Quem mais?!)
Nuno Gomes - Ministro da Educação (delicado, muito contestado, mas mantêm-se no cargo e está a cumprir);
Deco - Ministro da Cultura... táctica, arte e afins;
Simão - Ministro da Presidência (Já tem estatuto para tal e o presidente Scolari gosta dele);
Quaresma - Ministro da Ciência e Tecnologia (trivelas, dribles... é demasiado complexo para os adversários);
Nani - Ministro da Economia e Inovação (Não tem tido oportunidade para aparecer, tal como a nossa economia, mas quando aparece... inova sempre qualquer coisa)
Hugo Almeida - Secretário de Estado do Ordenamento do Território (soa bem)


Os até agora suplentes:
Rui Patrício - Secretário Adjunto do 1º Ministro (do Ricardo...certo?);
Nuno - Secretário de Estado do Ambiente... ou em alternativa do Turismo (bem disposto,cria bom ambiente... foi visitar os amigos);
Quim - Secretário de Estado Adjunto e da reabilitação (percebe-se);
Miguel - Secretário de Estado Adjunto da Agricultura e Pescas (do Ministério do Boswingua);
Bruno Alves - Secretário de Estado Adjunto e da Justiça (às vezes dá-lhes com força);
Miguel Veloso - Secretário de Estado Adjunto e da Administração Interna;
Postiga - Secretário de Estado da Administração (poupado, tem-se prestado a trocas interessantes de gestão da sua carreira);
Jorge Ribeiro - Secretário de Estado do Emprego e Formação Profissional;

sábado, 7 de junho de 2008

PORTUGAL

Hoje viu-se um colectivo a jogar. Difícil será destacar as individualidades: nota excelente para todos e um excelente + para as prestações de Pepe, Moutinho e Deco.
A Europa do Futebol já temia Ronaldo, mas agora deve temer o conjunto!
Há que continuar confiantes, humildes e sem medo de impor o jogo de classe que sabemos fazer!

quinta-feira, 5 de junho de 2008

Hortotuna, parte II

E depois da sua estreia, cá está de novo a Hortotuna!! Fiquem com êxitos passados como "Fontes Hidrotermais" e músicas novas como "Dentro de Ti" ou "Música à Capela". É um show!

segunda-feira, 2 de junho de 2008

Huuum...

Acho que a celebração do Dia da Criança é sempre uma coisa bonita e de louvar e coiso e tal; acho que obras numa cidade são essenciais e que, se isso causar alguns transtornos aos cidadãos, é o nosso dever cívico sermos pacientes e tolerantes (dentro do razoável, claro), visto que no fim, se a obra sair bem feita, seremos nós os beneficiados; e acho que é importante animar e trazer gente para o centro histórico de Ponta Delgada.

MAS…

Considerando que Ponta Delgada está literalmente cercada de obras e ruas fechadas; considerando que, precisamente por causa das obras todas, o trânsito no centro da Cidade está, como que, difícil; considerando que o veículo ideal para circular em Ponta Delgada é um Hummer; e considerando que é segunda-feira, dia de trabalho e azáfama; a minha questão é a seguinte:

Será que era mesmo absolutamente necessário fechar o lado Sul da Igreja Matriz, a Praça Gonçalo Velho, a Praça do Município, a Rua de Santa Luzia, a Rua Açoriano Oriental e a Rua Manuel da Ponte para celebrar o Dia da Criança?

É que, como devem imaginar, o resultado foi este:


O meu telemóvel não dá para filmar, mas se eu filmasse durante 10 minutos, aquele carro preto, o vermelho e o branco ficariam exactamente no mesmo sítio durante a filmagem toda.

Não havia mesmo mais nenhum sítio para onde levar os miúdos?

sexta-feira, 30 de maio de 2008

E enquanto isso, lá longe...

...vai sobrevivendo pelo menos um povo no mundo cujo vocábulo não conhece palavras como Petróleo, Combustíveis, Política, IRS, Poluição, Metralhadora, Júlia Pinheiro, Bomba Atómica...

Ah, seus sortudos

quinta-feira, 29 de maio de 2008

Publicidade TMN "dá voz à selecção"

E dá gargalhadas à malta a ver os jogadores a fazer aquela figurinha!

terça-feira, 27 de maio de 2008

Diário da Selecção - ao milímetro

Nuno Gomes, Petit, Postiga e Paulo Ferreira estiveram reunidos a reflectir sobre a sua chamada à selecção. O Fernando Meira também insistiu em fazer parte do grupo de reflexão.

Jorge Ribeiro telefonou ao mano a dizer-lhe para não ficar triste... que o deixava brincar com o comboio que a mãe lhe ofereceu no Natal!

Ronaldo, respondendo pela milésima vez ao facto de ter falhado um penalti na final da Liga dos Campeões, afirmou, também pela milésima vez, que não tem que provar mais nada! Espero que esteja errado, porque estamos a contar com ele! E a namorada também, pois ouve-se dizer que é uma bomba na cama!

Miguel Veloso foi duas vezes à casa de banho: uma para se pentear e outra para pôr pó de talco nos tintins.

Por hoje é tudo!

segunda-feira, 26 de maio de 2008

A minha opinião sobre o preço dos combustíveis

Desculpem lá, mas só hoje tive tempo de vir aqui opinar sobre esta matéria. Em todo o caso, eu já falei sobre isto no ano passado, mas o assunto, hoje mais do que nunca, não deixa de ser relevante.

Ora bem, como todos nós sabemos, os combustíveis já atingiram um preço a que os economistas e peritos financeiros chamam de “estupidamente caro pa’ caramba!”. Como resultado, as pessoas estão em pânico: os ricos porque os Mercedes e os Audi comem 15 litros aos 100; a classe-média porque o ordenado não estica para tudo; e os pobres porque lhes dão casas e rendimentos mínimos, mas por enquanto ninguém lhes atesta o carro… por enquanto!

Por sua vez, desde que contrataram o Professor Bambo, as gasolineiras conseguem adivinhar quando é que a concorrência vai aumentar os seus preços e depois, numa gigante coincidência, aumentam todas ao mesmo tempo. E vai daí, a gasolina já atingiu o preço mais alto de sempre.

Como é lógico, não tenho nenhuma solução para o problema mundial da dependência do petróleo (se tivesse mudava o endereço tunalhos.blogspot.com para AhAhSouBilionárioEVocêsNão.blogspot.com), mas acho pertinente fazer o seguinte desabafo: E SE FOSSEM AUMENTAR PREÇOS E CHULAR AS PESSOAS PARA A MERETRIZ QUE OS PARIU, NÃO ERA BOM?!?

E pronto, é esta a minha opinião sobre o assunto. Admito que não sou nenhum Prof. Marcelo Rebelo de Sousa, mas penso que consegui transmitir a mensagem…

quinta-feira, 22 de maio de 2008

Queijo com sabor a laranja

Ontem fui à Associação Agrícola em Santana participar numa prova de queijos açorianos. A prova foi regada com vinhos do Pico e Graciosa para ir cortando o sabor à medida que se ia passando de "palito para queijo". Foi muito dificil atribuir uma classificação que os pudesse diferenciar. Na verdade eram todos muito bons... ou então era eu que estava com fome. Para o final, a prova tornava-se mais difícil porque o vinho começava a dominar o escrutínio, ao ponto de quase ter dado a pontuação máxima a um "queijo amarelo" e sumarento que proliferava pelas mesas: era laranja, também para cortar o sabor. Pronto, só a provei no fim em jeito de sobremesa!

terça-feira, 20 de maio de 2008

Cannabis faz bem... dizem os cientistas, claro!

De acordo com esta notícia, um estudo recente provou que pacientes submetidos a tratamento com cannabis mostraram melhorias no seu estado de saúde.

Bom, isto agora é que vão ser elas, vai ser um tal ver doentes de charrito na boca. Aliás, já consigo imaginar um diálogo entre um polícia e uma velhinha…

- Olá, Sr. Guarda. Diga…

- Você está a fumar cannabis?! Sabe que isto é proibido, não sabe?!

- Eu sei, mas é que faz maravilhas ao meu reumatismo…

- Não, o que é proibido é fumar aqui dentro. A não ser que frete o hospital, claro. Aí pode fazer o que quiser…



Agora a questão é saber se aquilo realmente melhora o estado de saúde dos pacientes, ou se os pacientes simplesmente 'acham' que se sentem melhores…

- Então, ainda sente dores?

- Não, sinto-me tão saudável como aquele peru cor-de-rosa ali no canto…

- Peru cor-de-rosa?

- Yá, aquele que está a dar uma carga de porrada à minhoca gigante…

domingo, 18 de maio de 2008

Como no Titanic...

E só mesmo porque sim, fiquem com os pescadores d'O Barco e o Autocarro, num bonito momento que faz parte deste filme.

quarta-feira, 14 de maio de 2008

Mais, mais, mais, mais... logo

Mais, mas muito pa caramba mais logo, os Tunalhos (que é a gente) foram convidados para fazer um grande espectáculo, numa grande sala dos Açores (não, não é o coreto em frente à Casa do Povo do Faial da Terra), mais lá para daqui a uns meses!

Mantenham-se atentos, pois vamos divulgar locais, datas e algumas surpresas em relação a esta novidade.

O brainstorming já começou...

quinta-feira, 8 de maio de 2008

Mais logo...

Os Tunalhos foram convidados para animar o I Fórum das Profissões. Por isso já sabem, se hoje quiserem ir para o jantar bem dispostos, passem primeiro pelo Teatro Micaelense, aí por volta das 18h45, mais coisa menos coisa…

Aí vem mais um...

Realmente se há coisa que todos nós ansiamos diariamente que apareça é uma perna partida, uma nova temporada d’A Bela e o Mestre e mais um partido político...

Hê pá, por acaso é mesmo daquelas coisas que fazem falta. Aliás, já dizia o meu avô que partidos políticos e exames retais nunca são demais…

Enfim, desde que não seja apenas mais um Partido de Tempo de Antena

domingo, 4 de maio de 2008

Sinais de velhice...

O pessoal que anda na minha faixa etária, gente perto dos 30 a caminho dos 63, tem muito a mania de dizer: “Hê pá, 'tou a ficar velho, já não aguento uma noitada”. Até ontem identificava-me com tal afirmação, mas hoje de manhã fez-se luz no meu cérebro.

Ficar num jantar, num bar ou numa discoteca até às 5 ou 6 da manhã, aguento bem. A grande diferença é que, enquanto “antigamente” eu depois conseguia ficar a dormir até às duas da tarde no dia seguinte, actualmente às nove da manhã já estou com os olhos esbugalhados a mirar fixamente o tecto e a amaldiçoar-me por não conseguir dormir mais.

Por isso é que acho que o maior sinal de se estar a ficar velho não é o não conseguir ficar acordado até tarde; é o não conseguir ficar a dormir até tarde. É caso para dizer “Hê pá, 'tou a ficar velho, já não aguento dormir uma manhã inteira”.

sexta-feira, 2 de maio de 2008

Água da Praia - Uma fonte da "base" da Natureza

- Vai um fininho?!
- Acho que prefiro antes uma água de um qualquer aquífero das Lajes!... Dizem que é mais radical!

domingo, 27 de abril de 2008

Julieu e Romieta

Palavras para quê?...

sexta-feira, 25 de abril de 2008

Mistério verdadeiramente misterioso II

Uma das coisas que gosto bastante de fazer, para além de tocar guitarra e de lamber cola de envelopes, é andar de mota. Comecei aos 16 anos, e já desde esta altura que a seguinte questão me saltou para a mente qual canguru australiano: porque é que os seguranças dos hipers e supermercados não deixam entrar ninguém com um capacete na mão?

Acho que é pertinente abordar aqui este assunto, não só porque é 25 de Abril, mas também porque o tempo está uma bosta e não pára de chover.

Reparei desde cedo que as senhoras podem entrar com malas, os senhores com bolsas ou sacolas, as crianças com mochilas, mas eu sempre fui barrado à entrada por um segurança que, entre resmungos, me indicava com a cabeça e com o indicador que não podia entrar com o capacete. Por mim tudo bem, não faço questão de andar com aquele peso morto nas mãos enquanto faço compras, tirando o facto de me pegarem sempre no capacete pela viseira e atirarem-no para o chão do Caixa Central. Mas pronto, sou capaz de viver com isso.

Agora a grande questão, o que me faz mesmo confusão, é saber que raio pensam eles que vou fazer com o capacete, sei lá, no corredor das hortaliças, para ser tão proibido entrar com ele na mão?! Como será o diálogo entre dois vigilantes ao avistarem alguém com um capacete?

- Oh Análio, deixa entrar a senhora com a mala e o senhor com a sacola, não faz mal...

- Sim, senhor. E aquele rapaz ali com a bazuca às costas?

- Deixa entrar.

- Ok...

- Espera aí, aquele motociclista vai entrar com o capacete! Temos de tomar medidas drásticas, que ele ainda é gajo para roubar um écran plasma ou uma laranja e levá-los escondidos ali dentro!

- Certo chefe, vou já chamar reforços.

- Sim, faz isso... e Deus nos ajude, Análio... Deus nos ajude a todos...

quinta-feira, 17 de abril de 2008

Menezes só teve 6 meses

Pronto! Lá vou ter que avançar!

terça-feira, 15 de abril de 2008

Há coisas...

Tenho andado a prestar mais atenção ao que por aí se diz no dia a dia.

Todos ouvimos já expressões como o "vai-se andando" ou, "o Chalana não percebe nada disto", mas gostaria de trazer à análise a mítica expressão do "há coisas..."

É algo profundo para se dizer porque, na realidade, há mesmo coisas!

Mas aqui entram as classificações - é que há coisas de muito tipo - como por exemplo:

"há coisas DO CATANO" (e do Caetano também) ou "há coisas do CARAÇAS". Mas também "há coisas do ARCO DA VELHA" (que é um restaurante em Ponta Delgada) e "há coisas LIXADAS" (como por exemplo uma porta de madeira). "Há coisas F@#%&=$" (como a Cicciolina) e, o mais profundo de todos, o "há coisas ASSIM" (assim chatas como esta que acabo de escrever...).

Homenagem singela esta, que faço ao génio que se lembra de criar estas pérolas da nossa fala diária. É que nem só de Camões vive a língua portuguesa!

Bom, era isto que tinha para partilhar hoje convosco. Mais valia estar sossegado... é qu' "isto há dias e dias"!!

Mais uma verdade universal...

Estou certo que já ouviram falar na Lei de Murphy, na Lei de Witten, na Observação de Klipstein, ou numa data de outras leis.

Ora bem, hoje arranjei também uma lei minha, e ela diz o seguinte:

A largura da estrada, a velocidade do carro que vai à nossa frente e a disponibilidade de estacionamento são inversamente proporcionais à pressa que se tem e às consequências do atraso”.

sábado, 12 de abril de 2008

Benfica 0 - Académica 3

Continuo a pensar como Luís Filipe Vieira, os resultados do campeonato estão viciados.O problema ontem não foi do árbitro, mas provavelmente foi um resultado das alterações climáticas a nível mundial. É que nunca se viu um clima assim para os lados da luz. Os estudantes disseram mesmo que "aquilo estava tão quente que até consolava".
Mas, por outro lado, era altura de entrar a polícia judiciária em acção: a Académica não devia estar a jogar com jogadores do Porto. Assim não vale!

quarta-feira, 9 de abril de 2008

Um pequeno conselho…

Quem vive em São Miguel e anda por Ponta Delgada, decerto já reparou que enfiaram uma linha contínua em São Gonçalo todo. Ou seja, antes quando queríamos, por exemplo, ir para a Universidade, íamos por São Gonçalo directamente para lá, como mostra o meu rude esquema.

Mas alguém lembrou-se que seria engraçado enfiar uma linha contínua por ali fora e proibir toda a gente de entrar nas ruas transversais a São Gonçalo e na Universidade. Mas atenção, deixaram uma alternativa. "E que alternativa é essa?" Boa pergunta.

A alternativa é pegar na multidão que vem na direcção Nascente-Poente e que quer descer para uma das ruas transversais a São Gonçalo ou para a Universidade e desviá-la para a Mãe de Deus, que é basicamente, tipo, sei lá, uma das ruas mais estreitas de Ponta Delgada onde ainda por cima se apanham DUAS escolas!!

O resultado é espectacular, porque agora, por exemplo, para aceder a qualquer uma das ruas que mencionei, tenho de me enfiar na Avenida D. João III para ir para a Mãe de Deus e tenho de apanhar isso todos os dias:

Sim, aquilo ao fundo é o antigo Holiday Inn e a fila vem até cá cima.

A outra alternativa é ir dar uma volta ao cú de Judas e apanhar a via rápida para descer na saída para a Fajã de Cima para descer o Caminho da Levada para tomar a rua da Xurrex para, depois dos semáforos, fazer-se o caminho na direcção Poente-Nascente… Boa, bem pensado!

"Ah, é por causa dos acidentes e tal"… Caros amigos, já faço aquele caminho (diga-se, entrar de São Gonçalo para uma das ruas transversais) há uns dez anos, para aí 5 ou 6 vezes por dia, e sou capaz de jurar que nunca vi um acidente ali. Aqui entre nós, há outras zonas bem mais perigosas…

Ora bem, agora o meu conselho para quem decide estas coisas (que não faço ideia quem seja): os computadores hoje em dia trazem uns aplicativos espectaculares e que são acessíveis a qualquer um. São o Solitário, Copas, Minesweeper, Free Cell, entre outros.

Deixem-se ficar por esses programas. A sério, não vale a pena mexerem em mais nada…

segunda-feira, 7 de abril de 2008

Agentes da ASAE açorianos nomeados para Nobel da Paz

E aqui vai mais um.
Fizemos este no El Açor e no aniversário da Atlântida.
Divirtam-se

terça-feira, 1 de abril de 2008

Dia das Mentiras...

É um mau presságio para a humanidade quando esta decide dedicar um dia inteiro do seu ano à Mentira. É que vejam, temos dias para tudo, desde o Dia Mundial da Saúde, o Dia Mundial da Água, o Dia Mundial para a Preservação da Camada de Ozono… Caramba, até temos um Dia Internacional para a Prevenção da Exploração do Ambiente em Tempo de Guerra e de Conflito Armado, o que quer que isso seja!

Mas, reparem, não temos um Dia das Verdades.

Não, temos o 1 de Abril, mundialmente reconhecido como o Dia das Mentiras. Eu até sou pessoa para perceber que não exista um Dia das Verdades. Havia de ser mau para muita gente. Quer dizer, imaginem um dia em que só podemos dizer verdades:

- Olá, estás nervosa? Já chegou toda a gente. Ele já está no altar à tua espera e o padre está pronto. Ah, já agora, esse vestido de noiva faz-te parecer uma baleia!

- O quê?!?

- Há, há! Apanhei-te! Feliz Dia das Verdades!!

segunda-feira, 31 de março de 2008

No aniversário da Atlântida...

Eis uma pequena brincadeira que fizemos para o 20º aniversário da Atlântida. Neste momento, o spot está a passar na rádio e, como explica, estaremos no próximo fim-de-semana nos palcos do Coliseu.
Apareçam, aquilo parece que vai ser bonito...

sexta-feira, 28 de março de 2008

Pois...

Costumo dar uma leitura nos jornais logo de manhã e confesso, aqui entre nós, que nutro um especial carinho pelo Correio dos Açores. É um bom jornal, mas lá de vez em quando lança um daqueles títulos que me fazem sentar para respirar fundo de modo a recuperar do choque.

Por exemplo, imaginem vocês a minha reacção quando eu soube, pela primeira vez, que a “falta de dinheiro cria pobreza nas famílias dos Açores”. Estava a ver que ia parar ao hospital, tal foi o embate da novidade nas fundações das minhas crenças. É que sempre pensei que a pobreza era causada pelo excesso de dinheiro.

E hoje então?! Abri o jornal de manhã, mas como aprendo com os meus erros, liguei-me a um balão de soro antes de o ler, não fosse eu confrontado com outra bomba. E ainda bem que o fiz, já que fiquei a aprender que, quando se fala de turismo, “é preciso turistas para que o negócio cresça”. E eu, feito tolo, a pensar que a evolução do turismo nos Açores estava directamente dependente da importação de pastilhas Gorila…

quinta-feira, 27 de março de 2008

Que mina!!

Para quem é fã, nada melhor. Os autores do South Park, fartos que lhes sacassem os episódios ilegalmente, decidiram colocar na net as temporadas todas da série.

Hein? É um espectáculo ou não é?! Para quem estiver nesta onda, é só vir aqui, rebentar umas pipocas no micro-ondas, sentar no sofá, rezar para que os miúdos não percebam inglês, e enjoy the show...

segunda-feira, 24 de março de 2008

Fisco pressiona noivos II

No seguimento do post anterior, o pedido de informações questiona, também, sobre o número de convidados adultos e crianças e quanto foi o valor cobrado por cada um deles (já agora, as tias gordas valerão por dois adultos?); se o vestido de noiva foi oferecido, por quem e quanto pagou o oferente. Como foram pagos os diversos serviços prestados, como o copo de água? (de certeza que foi com dinheiro, cartão ou cheque).

Inclusive são obrigados a prestar a informação sobre se existiu outro casamento ou outro evento no mesmo dia e lugar que o seu. (Ora aí está um bom negócio para as coscuvilheiras)

Já estou a ver os noivos:

"Sr padre, antes de iniciar a cerimónia diga-nos: Quem é que já casou hoje? Só queriamos os nomes, BI e nºs de contribuinte e onde foi a boda". Ou na semana seguinte é ver os noivos a consultar a agenda social das suas localidades nas revistas, nos jornais, nas paróquias ou a irem porta a porta: "Desculpe, mas ontem, que foi dia do nosso casamento, ouvi uns festejos na sua casa... foi aniversário de quem? Ah, não eram festejos... eram gritos de dor por causa da morte do seu pai!... E quem é que lhe ofereceu flores, de que qualidade eram, qual o preço médio dos arranjos e em que lojas foram compradas?!"

Mas isto já não está a ir um bocadinho longe de mais, começando a devassar de forma repugnante a nossa privacidade? Este totalitarismo já não está a roçar as raias do absurdo? Por outro lado, o Estado está a pedir ao contribuinte não só que pague impostos, mas também que trabalhe como seu fiscal de Finanças! Fosga-se ... aumentem os impostos mas não me dêem mais trabalho!

É por isso que sempre fui apologista das uniões... de facto
... isto vai de mal a pior!

P.S. Oxalá não se lembrem de vir questionar os contribuintes açorianos sobre as despesas em torno das festas do Espírito Santo!

Fisco pressiona noivos I

A Direcção-Geral de Impostos (DGCI) está a enviar cartas aos noivos, pedindo que estes respondam, no prazo de 15 dias, a questões relacionadas com os gastos do seu casamento, ao abrigo do dever de colaboração com a administração fiscal e, caso não o façam, poderão ser multados... Já estou a imaginar:

- "Querida, o que eu ansiava por esta lua-de-mel... vamos fazer o amor?!"

- "Espera lá, preciso de organizar primeiro a contabilidade! É que depois não temos tempo de enviar os dados ao fisco. Primeiro o dever e só depois o prazer!... Mas quem é que me ofereceu a cuequinha de renda e a liga?... ah, já sei, foi o teu irmão... ele não te deixou a merda do recibo?!"

sexta-feira, 21 de março de 2008

Estou a ficar velho...

Detesto começar um post com a seguinte frase, mas... no meu tempo não havia nada disso. E reparem que “o meu tempo” foi há uns 10 anos atrás, não estamos propriamente a falar de 1972 nem do “Deus, Pátria e Família”.

Isso de ser professor hoje em dia deve ser das profissões mais ingratas que existem em Portugal. Pronto, é verdade (vão matar-me por dizer isso, mas...) que a classe docente é um bocado chata... digo, reivindicativa. Nunca estão satisfeitos com nada e acham sempre que têm direito a tudo. Desde que entrei para a 1ª classe até hoje, ou seja, desde que me lembro, acho que não houve um ano que não fizessem uma greve qualquer por causa de uma coisa qualquer. Ora por causa das carreiras, ora por causa das colocações, ora porque o café da cantina estava frio, ora porque estava calor, ora só porque sim...

Mas a situação que se vive hoje em dia começa a ser ridícula. Quando é que eu ou alguém, repito, há dez anos atrás, falava assim com um professor? O professor era uma figura que representava autoridade e que, na escola, era a lei. Não, não éramos nenhuns santos, nem perto disso, mas os excessos acarretavam consequências. E, na maior parte das vezes, as maiores “consequências” recebiam-se depois das aulas em casa!

Aquela rapariga histérica aos gritos por causa do telemóvel e a turma atrás a mandar vir e a incentivá-la era caso para se distribuírem umas estaladas pela sala. Mas não, o que vai acontecer é que os papás vão ter pena da menina, a vítima, e vão mandá-la ao psicólogo para determinar as causas do seu stress. O psicólogo vai concluir que o problema dela é ser uma adolescente mimada e vai receitar-lhe uns Xanax para acalmar o nervo. Os papás, cheios de pena, vão dar-lhe muito carinho para ela ultrapassar o trauma de ter aparecido nas notícias e o abuso mental da docente. Ah, e aproveitam para lhe oferecer uma Playstation nova, não vá ela meter-se na droga ou qualquer coisa assim...

A professora? Essa vai ter de amarrar a burra e, apesar de ser a chacota da escola, vai ter de ir dar aulas no dia a seguir...

terça-feira, 18 de março de 2008

Mira Amaral Alerta para "fuga de cérebros"

Já há algum tempo me tinha apercebido de que o meu cérebro se tinha evadido por não suportar a cabeça que o limitava!

Huuum...

Eu, tal como os outros 250 mil açorianos, incluindo aqueles 3 ou 4 que estão a viver no Camboja, fiquei ontem a saber que a transportadora SATA Air Açores vai comprar seis aviões Dash.

A minha reacção, espero, deve ter sido a mesma que toda a gente teve. Isto é, empurrei o computador e tudo o que tinha à minha frente para o chão e saltei para cima da secretária para dançar um pouco de kizomba… tal era a minha felicidade.

Depois disso, fui comprar outro computador para poder ir à net pesquisar imagens desses Dash, para ver se eles são bonitos e tal.

Muito bem, ao Googlear (sim, Googlear! Se os americanos podem transformar isso num verbo, a gente também pode, ora essa!) as palavras "Dash plane", uma das primeiras imagens que me aparece é esta…

“Ok”, pensei eu. “De repente a minha busca foi muito geral. Deixa cá procurar Dash Q400”. E aparece-me isto:

“Tá bem...”, voltei a pensar depois de uma pequena pausa. “Cheira-me que este ano vou a remar até às Flores…”

terça-feira, 11 de março de 2008

El Açor ix - Bastidores





Este é um especial para os nossos "fãos"! Depois do El Açor IX, onde os Tunalhos tiveram a seu cargo a apresentação das tunas, eis algumas fotos do backstage - nunca antes visionamentalizadas (por mais do que os 4 cromos que as tiraram)...


Poetas da Restauração

Ora cá está.

Como o prometido (às vezes) é devido, cá está um dos vídeos da nossa actuação no El Açor.

Senhoras e senhores, depois do sucesso que foram os Poetas do Andaime, fiquem agora com os Poetas da Restauração:

quarta-feira, 5 de março de 2008

Manifs por SMS

Isto de convocar manifestações por SMS tem muito que se lhe diga. Li agora aqui que os professores cá da Região, tal como aconteceu no continente, estão também a ser convocados para uma demonstração através de mensagens de telemóvel.

Meus amigos, digo-vos já que não gosto nada destas modernices! Acho mesmo uma falta de tarelo. Quer dizer, daqui a dias estão a organizar golpes de estado pelo Hi5 e a declarar guerra à França pelo Messenger.

Sabemos que andamos a ficar mesmo preguiçosos quando decidimos reduzir a defesa dos nossos direitos ao mínimo esforço possível. Já estou a ver duas pessoas, sentadas no sofá, com um pacote de pipocas à frente e a ver o programa da Júlia Pinheiro:

- Sabes o que é que era porreiro?

- Não.

- Fazer uma manif a mostrar a nossa indignação e tal…

- Ena, bela ideia! ‘Bóra lá fazer panfletos e organizar a logística toda da coisa…

- iiih, esquece isso, que trabalheira! Manda aí uma mensagem ao pessoal e quem aparecer, apareceu. Escreve lá: "Manif nas Portas de Cidade, dia 6, 21h. Se não reenviares essa mensagem a 7 pessoas, vais ter 7 anos de azar. O último a chegar é panel…”

- Ok, já percebi, já percebi…

segunda-feira, 3 de março de 2008

Missão cumprida!

Grande El Açor, o deste fim-de-semana. O Coliseu estava pilhado de gente e o público inspiradíssimo. Inclusive, e aqui entre nós, no segundo dia estávamos a comentar que, ao analisarmos a nossa experiência em palcos de Festivais por este país fora, não é difícil de concluir que efectivamente temos um dos melhores públicos de Portugal!!

Vejam-me lá estas fotos do Contratempo e digam lá se não mete respeito:


Enfim.

Os vídeos da nossa actuação serão colocados em breve aqui no blog. E por falar nisso, obrigado à Joana, à Mariana, à “amiga da namorada” do Calhoca, e ao Calhoca pelas filmagens!

Parabéns aos Tunídeos por mais um sucesso!!

quarta-feira, 27 de fevereiro de 2008

El Açor IX

Não marquem nada para este fim-de-semana! Depois não digam que não vos avisei!

É verdade, a nona edição do mais cobiçado festival do país começa já na sexta-feira. A apresentação do dito cujo, como sempre, estará a cargo dos Tunalhos (que sêrims a gent).

Já temos uma actuação de arromba preparada... quer dizer, em fase de preparaç... pronto, estamos a pensar dizer umas graçolas muito bonitas, vá. Apareçam, garanto que não se vão arrepender!

Coliseu Micaelense, 29 de Fevereiro e 1 de Março, a partir das 21h00!!

Só para terem uma ideia do potencial deste El Açor, digo-vos já que até a Hortotuna vai lá estar e vai mesmo tocar um dos seus clássicos.

terça-feira, 26 de fevereiro de 2008

Saudade...

E passou-se um ano desde que soubemos que o João Pedro nos deixara.

Doze meses depois, a mágoa continua tão forte como no dia em que a notícia nos atingiu. O sentimento de incredulidade já se desvaneceu, mas os de revolta e injustiça continuam enraizados nos nossos pensamentos. A saudade, esta não pára de crescer.

Sardet, sentimos a tua falta, amigo! Sempre!

sexta-feira, 22 de fevereiro de 2008

VI Olé Tunas

Por esta altura devíamos estar na Terceira a apresentar mais uma edição do Olé Tunas, mas por motivos pessoais, profissionais, religiosos e transcendentais, não nos foi mesmo possível lá estar. Foi com grande mágoa que este ano não pudemos aceitar o convite no nosso amigo Viegas, da TAESEAH, mas lá teve de ser.

Em todo o caso, entre 460 a.C. e 370 a.C. o Demócrito de Abdera, aquele grande filósofo grego pré-socrático, já dizia que “the show must go on”, e é verdade (não fossem os gregos grandes cromos para essas cenas).

Por isso mesmo, quem estiver na Terceira por essas alturas passe pelo Teatro Angrense porque, pelo cartaz, a coisa promete.

Aqui fica a sugestão da semana! Passem por lá e mandem cumprimentos nossos àquela gente, que aquilo é gente boa e a festa é garantida!!

quinta-feira, 21 de fevereiro de 2008

Discurso directo... pa caramba!

Se falássemos todos assim de forma tão concisa e clara, sem deixar espaço para dúvidas ou interpretações dúbias, a vida era muito mais fácil…

segunda-feira, 18 de fevereiro de 2008

É tão divertido, é...

Fiz uma endoscopia no outro dia. Digo-vos já que doer, até não dói, mas é tão agradável como lamber óleo de fígado de bacalhau das mãos de um funcionário do banco de esperma do Zoológico de Singapura e depois olhar para o lado e ver o José Castelo Branco vestido com um fio dental, de costas, a baixar-se para levantar um sabonete do chão…

terça-feira, 12 de fevereiro de 2008

Eu bem que tentei, mas...

É verdade, esteve quase, mas não cheguei lá...

Participei no concurso "O Pior Acordar do Mundo", iniciativa do Nuno Markl, no qual era pedido aos concorrentes que fizessem um pequeno filme a descrever (como o nome do passatempo o explica) o pior acordar do mundo.

Assim um bocado à laia de "é na boa!", fiz uma pequena brincadeira. Subjacente à teoria de que não deve haver pior acordar do que ouvir, pela fresquinha, os políticos e as suas conversetas, lá fiz o meu vídeo.

Estava convencido que a minha figurinha de pijamas seria suficiente para levar o 1º lugar para casa, mas parece que sobrestimei o poder daquele vestuário ligeiro, amplo e leve, composto de calças e casaco, que é próprio para dormir.

Aqui está ele, espero que gostem. Aliás, se correr bem, até pode ser que faça outros aqui para este nosso estaminé.



PS- Já agora, se tiverem curiosidade, estes foram os vencedores do "O Pior Acordar do Mundo", e estes foram todos os participantes.

sexta-feira, 8 de fevereiro de 2008

Contas da RAA - 2007 com saldo positivo de 5,1 milhões €

Esta é uma boa notícia!
Quanto é que é mesmo a verba que a Universidade dos Açores precisa para fazer face ao défice das despesas correntes?

  © Blogger template 'Grease' by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP