quinta-feira, 9 de agosto de 2007

Coisas do destino...

Creio firmemente que existem coisas que estão destinadas a acontecer a toda a gente pelo menos uma vez na vida. Situações às quais, por mais que fujamos, nunca poderemos escapar. Sei do que falo porque fui vítima de umas destas coisas ainda hoje. Passo desde já a narrar resumidamente o sucedido:

Ora bem, tenho cá em casa uma poltrona. A dita cuja alojou-se lá no seu cantinho ainda antes de eu nascer. Morei aqui toda a minha vida e sempre me lembro daquela poltrona naquele cantinho. Hoje, não sei a que propósito, devo ter traçado uma trajectória milímetricamente diferente da usual “sala de estar – casa de banho” e piiiimba, enfiei uma biqueirada a toda a força no pé da poltrona.

Tal nunca me havia sucedido, mas, como é lógico, quando finalmente aconteceu, eu tinha de estar descalço. Claro, qual seria a piada de eu dar um pontapé na poltrona se estivesse calçado com umas botas da tropa com biqueiras de aço? Pois...

Em todo o caso, o resultado foi óbvio: o meu pé, como podem ver já de si pouco fotogénico, acabou com uma unha torcida, um dedo inchado e um penso altamente improvisado.
Este é apenas um exemplo do que eu estava a falar, já que a maior parte dos meus conhecidos já passou por uma experiência semelhante. Ou seja, suponho que era uma questão de tempo até acontecer a mim.

Sendo assim, o grande objectivo deste post passa por querer criar uma lista destas coisas que inevitavelmente acontecem a toda a gente pelo menos uma vez na vida. Depois podem riscar desta lista as coisas que já vos aconteceram, sabendo de antemão que, mais cedo ou mais tarde, o resto vos aguarda.

Ok, vou começar com os primeiros 10, mas depois preciso da vossa ajuda. Contribuam e, juntos, vamos trabalhar para ajudar o próximo. Aqui vai:

1- Dar uma biqueirada num móvel quando se está descalço;

2- Esquecer do guarda-chuva no único dia da semana em que chove, apesar de ter feito um sol descomunal de manhã;

3- Criar-se um silêncio repentino na sala mesmo no momento em que estamos na parte mais porca de uma piada porca;

4- Perder o BI pela primeira vez na vida exactamente no dia antes de uma viagem;

5- Ficar sem bateria no telemóvel quando estamos à espera daquela chamada importante;

6- Passar meses sem nada para fazer e depois ter no mesmo fim-de-semana três aniversários e dois concertos fixes, mas não poder ir a nenhum porque, por acaso, neste fim-de-semana temos a comunhão de um primo afastado que acordamos em ir porque pensamos “assim como assim, também não vou ter nada para fazer...”;

7- Saber a matéria toda de cor, mas ter uma branca única e exclusivamente durante os 90 minutos do exame;

8- Esperar uma hora na fila do guichet A, para depois chegar à nossa vez e dizerem que o nosso assunto trata-se é no guichet C;

9- Fazer uma viagem longa a ouvir música da treta na rádio, e depois quando finalmente chegamos e estamos a desligar o carro, começa aquela música mesmo porreira que já não ouvíamos há montes de tempo;

10- Avariar o carro numa sexta-feira às seis da tarde...

Mandem mais, temos um mundo para salvar...

10 comentários:

Pedro Rocha 09/08/2007, 16:18:00  

Eh mig, vá bem! Folgo em saber do teu regresso à blogosfera açoriana lololo ehm, já podes ir ao frutorei.blogspot.com na boa!

Pedro Rocha 09/08/2007, 16:20:00  

"O seu comentário foi guardado e ficará visível após a aprovação do proprietário do blogue. "

O que é isto????
O que é isto????
A censura....
A censura... a rolha na boca ahhh ahhhh ahhhh o regresso da velha senhora ahhh ahhhh ahhh
Ahhhh, o fim dos dias ahhhhhh

ticha 09/08/2007, 21:05:00  

eh migo depois de me ter rido mt a tua custa..............
melhoras ;)

Ana Lua 10/08/2007, 00:04:00  

que lindos toezinhes!!!!

Pedro Rocha 10/08/2007, 11:01:00  

Vamos só ver se isto continua com a pena do censor...

Pedro Rocha 10/08/2007, 11:08:00  

Democráticos mas pouco...

Hélder Medeiros 10/08/2007, 11:25:00  

isso da moderação de comentários é uma longa história... depois conto os enredos...

El Greco 10/08/2007, 22:23:00  

Fosga-se!... Logo agora que precisávamos de ti! Os Tunalhos foram convidados para uma jogatana, mas agora sem o nosso melhor artilheiro, famoso por mandar biqueiros com o dedo mindinho...vai ser dificil "almijar" a vitória!

A propósito... Com quem era o jogo? Com matraquilhos?! Pois, é melhor cancelar... Seria vergonhoso perder com matraquilhos!

Andreia 11/08/2007, 21:59:00  

humm deixa cá ver...

(esta é meio vergonhosa mas aconteceu-me a semana passada)

Ir à casa de banho, a meio da noite, às escuras, e bater (com uma certa forcinha)literalmente com o corpo todo em contra a porta, porque pensavámos que a tinhamos deixado aberta;

Ficar toda a semana à espera que aquele filme passe na tv, e depois perde-lo porque a hora que tinhámos anotado era a do fuso horário do Continente;

Acordar de repente de manhã, olhar po relógio de relance e ver que estamos atrasados pa ir trabalhar. Sair de casa a voar, comendo qualquer coisa pelo caminho, e ao chegar à porta do emprego perceber (olhando novamente o relógio, mas com mais calma) que afinal chegámos uma hora mais cedo, e que as portas ainda estão fechadas.

(já me aconteceu! cheguei ao respectivo lugar faltavam 5 para as 8 da manhã, tendo so de entrar às 9; ainda estranhei a Rua de Lisboa estar deserta...)

Hélder Medeiros 13/08/2007, 10:57:00  

Belas sugestões, :-D

  © Blogger template 'Grease' by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP